O reitor da Universidade Federal de Goiás (UFG), Edward Madureira, diz que um comitê de segurança está em reunião permanente desde o assassinato de Luiz Carlos Pereira Castro, na manhã de terça-feira, dia 5, no campus Samambaia, no Setor Itatiaia, para avaliar a necessidade de mudanças na política de segurança da instituição. Edward ressalta que o crime é “absolutamente l...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários