O Cabo do Corpo de Bombeiros do Estado de Goiás, Marco Aurélio Vaz, curtia uns dias de descanso com a família em uma praia de Copabana, no Rio de Janeiro, quando escutou os gritos de socorro de uma família, pai e dois filhos, que estavam se afogando. O militar então entrou no mar e resgatou todos. “Eu comecei a escutar 'help, help'. Depois os gritos foram ficando mais f...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários