A Caoa Chery, que tem fábricas em Anápolis (GO) e Jacareí (SP),  registrou  no mês de maio seu melhor resultado em vendas mensais da sua história. Com 3.183 unidades comercializadas, a montadora atingiu pela primeira vez a 10ª colocação no ranking das fabricantes de veículos no Brasil. O desempenho em participação também foi inédito e ficou em 1,81%. O resultado mensal é 24,3% superior ao registrado em abril (2.560 unidades). No acumulado do ano, a Caoa Chery  soma 12.137 veículos emplacados e 1,45% de market share.

“Iniciamos 2021 com a meta audaciosa de chegar à 10ª colocação entre as montadoras nacionais até o final do ano. Atingir esse patamar já no primeiro semestre, à frente de marcas muito tradicionais no mercado, mostra a nossa força e a confiança que o consumidor brasileiro tem depositado em nossos produtos”, comenta Marcio Alfonso, CEO da Caoa Chery.

No resultado mensal por produto, o Tiggo 5x, que é produzido na unidade da montadora em Anápolis, segue como o modelo mais vendido da Caoa Chery, com 1.133 veículos comercializados. Quem também desempenhou bem no período foi o Tiggo 8, também fabricado em Anápolis. O SUV com capacidade para até sete passageiros encerrou o mês com 846 unidades vendidas, seu melhor resultado em vendas desde o início da comercialização do modelo.

A ótima atuação da marca ocorre no momento em que a Caoa Chery apresenta um novo modelo para o mercado brasileiro, o Tiggo 3x Turbo. O novo SUV, que reforçou o portfólio da marca no Brasil, fortalecendo sua estratégia de crescer em participação no mercado local.

“Nosso plano de crescimento tem como base o investimento em produtos de alto valor agregado sempre com muita qualidade, tecnologia e design. O Tiggo 3x Turbo é um projeto atual, competitivo e que tem a dirigibilidade ajustada para o modo de conduzir do brasileiro. Sem dúvidas, será um novo divisor de águas em nossa história”, acrescenta Marcio Alfonso.