Depois de quase três semanas de tramitação, a Assembleia Legislativa aprovou ontem em votação definitiva o projeto de lei que estabelece a segunda etapa da reforma administrativa do governo estadual. Segundo a Secretaria de Administração (Sead), a medida irá gerar economia de cerca de R$ 319,7 milhões até 2021. Agora, o texto depende de ser sancionado pelo governador...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários