A possível união do Estado com municípios para um plano de previdência complementar multipatrocinado tem entre as defesas a redução de taxas. Mais pessoas e valores menores podem tornar o complemento dos benefícios mais atrativos. Presidente da Goiás Previdência (GoiásPrev), Gilvan Cândido defende que uma entidade mais forte ajudaria nesse caminho e seria uma inovação no...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários