Presidente nacional do PSDB, o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin reconheceu que o atual estatuto da legenda está "defasado" e afirmou que o partido nunca teve um código de ética. "Vamos fazer uma profunda mudança no estatuto e aprovar o 1.° código de ética do PSDB", disse o tucano ao jornal O Estado de S. Paulo. O tema pautou uma reunião da direção execu...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários