O vereador Paulo Magalhães (PSD) confirmou ao POPULAR nesta quinta-feira (21) que não pedirá a inclusão em pauta do projeto que institui o ponto biométrico para controle de frequência dos parlamentares na Câmara Municipal. A matéria, assim, deverá ser votada apenas na semana que vem. Segundo ele, a possibilidade de apresentação de emenda para estender a medida a serv...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários