Em um ano marcado pela pandemia de Covid-19, ao menos 174 dos 246 municípios goianos apresentaram redução em seus gastos com educação em 2020, em comparação com o ano anterior. Entre eles, 29 não aplicaram o mínimo constitucional de 25% de sua receita de impostos na área, o que pode impedir as cidades de firmarem convênios, gerar multa e levar à rejeição das contas dos ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários