A pauta da Câmara de Goiânia para o segundo semestre deve ser mais polêmica que a do Legislativo goiano, com dois projetos prioritários na retomada dos trabalhos: a proposta de revisão do Plano Diretor e a regulamentação do Uber na capital. Do ponto de vista político, a previsão é que o prefeito Iris Rezende (PMDB) definirá, enfim, o líder na Casa e consiga amarrar ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários