Em desdobramento da Operação Catarse, que investiga a suspeita de funcionários fantasmas no governo do Tocantins, a Polícia Civil cumpriu mandados de busca e apreensão em cinco endereços em Palmas e outro em Natividade, nesta terça-feira, 16.    Todos os alvos, segundo a Polícia, mantiveram contatos telefônicos com a servidora pública alvo da 5ª fase em Paraíso, em dezembro de 2018. Ela é investigada por suposto peculato (apropriação de r...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários