Na crescente de críticas que tem feito ao governo federal, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), tem cobrado ações mais rápidas no que diz respeito às questões sociais e garantia à alimentação das pessoas de mais baixa renda, as mais prejudicadas pelo isolamento adotado como medida de contenção do novo coronavírus. Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, no ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários