O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, defendeu nesta quarta-feira, 12, em audiência na Câmara, mudanças na Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da prisão em segunda instância em discussão pelos deputados. Para o ex-juiz da Operação Lava Jato, a execução antecipada da pena deveria ser restrita a área criminal, e não incluir casos da esfera cíveis e...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários