A maioria dos deputados que assinaram o requerimento de abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar possível interferência política no trabalho da Polícia Civil de Goiás diz não ter a intenção de recuo. Autor do pedido, Humberto Teófilo (PSL) deve solicitar à mesa diretora, na sessão de hoje, o início da contagem do prazo de dez dias para q...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários