O Tribunal de Contas da União (TCU) publicou lista com os nomes de 229 gestores públicos de cidades goianas que tiveram no total 346 contas julgadas irregulares com trânsito em julgado nos últimos oito anos. Em todo o País, são 11,5 mil contas rejeitadas de 7,3 mil gestores. A lista foi entregue para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ontem. Entre os Estados, Goiás é o 15º com mais...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários