O PSL está disposto a fiscalizar a criação do novo partido anunciado nesta terça-feira, 12, pelo presidente Jair Bolsonaro, a Aliança pelo Brasil. Para a ex-líder do governo no Congresso deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), a criação de uma nova legenda não pode “ser feita no tapetão”. “Na hipótese de criação de um novo partido, precis...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários