O presidente Jair Bolsonaro (PSL) confirmou na manhã desta sexta-feira (14) a demissão do presidente dos Correios, general Juarez Aparecido de Paula Cunha. Bolsonaro considerou que o general se comportou como um “sindicalista” durante um encontro com a oposição. O motivo da exoneração foi a recente ida do presidente da estatal à Câmara dos Deputados, a convite da opo...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários