Na prática, o governo do presidente Jair Bolsonaro se isentou de entrar na discussão sobre o futuro do aliado. No Palácio do Planalto, a recomendação também foi evitar o envolvimento com o caso.Foi por causa desse distanciamento e por causa da manifestação unânime do Supremo Tribunal Federal (STF) pela prisão que o Centrão acabou mudando de tendência ao longo da semana. O...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários