Uma das seis estatais goianas que terminaram 2020 no vermelho, e que tem autorização legal para ser vendida, a Goiás Telecom triplicou seu número de funcionários entre dezembro de 2020 e agosto deste ano. A empresa, que tinha apenas seis servidores no fim do ano passado, contando os dois cargos de diretoria, terminou o mês de agosto com 19, de acordo com as folhas de pa...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários