Caio Henrique Salgado

O presidente do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae Goiás, Ubiratan Silva Lopes, convocou reunião extraordinária do colegiado para quarta-feira com o objetivo de deliberar sobre a destituição de membros da diretoria. Conforme o apurado coluna, a reunião deve consolidar a saída do diretor-superintendente, Derly Cunha Fialho, além dos diretores de Administração e Finanças, Igor Montenegro, e Técnico, Wanderson Portugal. O pano de fundo para a troca seria a insatisfação das federações - que compartilham a gestão do órgão de apoio às micro e pequenas empresas - com a direção, especialmente durante a pandemia de Covid-19. Relatório obtido pela coluna aponta que em 2020 a unidade goiana foi a que obteve, em comparação com todos os Estados brasileiros, o pior desempenho proporcional às metas estabelecidas em dois itens: número de pequenos negócios atendidos e cobertura do atendimento microempresas e empresas de pequeno porte. Nos dois casos, foram atingidos 65% e 42% das metas estabelecidas, respectivamente.

Do governo

O mais cotado para assumir o comando do Sebrae no lugar de Derly é Antônio Carlos de Souza, atual secretário estadual de Agricultura. Com respaldo do Palácio das Esmeraldas.

Não deu

O grupo ligado ao senador Vanderlan Cardoso e ao deputado federal Francisco Júnior esperava mudanças no diretório estadual do partido para o mês de março. Segundo eles, o processo foi atrapalhado pela pandemia.

Novo mês

A expectativa agora é de que o futuro do PSD em Goiás seja discutido neste mês de abril. De acordo com um membro da sigla ouvido pela coluna, o processo não depende necessariamente da saída do atual presidente, Vilmar Rocha. “Pode ser com ele à frente, mas o partido precisa se movimentar.”

Outra pauta

Sempre que perguntado sobre o futuro do partido, Vilmar Rocha diz que o foco atual é a Covid-19.

Sem Bolsonaro

Ao ser perguntado sobre uma possível aliança do partido que preside em Goiás, o PSB, com Ronaldo Caiado (DEM) em 2022, o deputado federal Elias Vaz diz que tudo depende do governador. “É impossível o PSB apoiar o Caiado se ele estiver com (Jair) Bolsonaro. Se ele estiver do lado do antifascismo, é possível um diálogo.”

Espalhou

A percepção de que a administração de Rogério Cruz (Republicano) caminha para outros rumos se alastrou entre auxiliares que não são filiados ao MDB, mas chegaram ao Paço Municipal através do presidente do MDB, Daniel Vilela. Alguns dos que não foram convidados para a reunião que pode selar o desembarque avaliam seguir o mesmo caminho.

Nada disso

Aliados de Rogério Cruz insistem no cumprimento do plano de governo e dizem que “a administração estava engessada” e o prefeito “precisava fazer mudanças para governar de fato e mostrar sua cara”.

Não é piscina

Placa alerta que não é permitido nadar no lago do Parque Vaca Brava (Foto: Diomicio Gomes)
Pergunta para:
Bruno Peixoto (MDB) | Líder do Governo na Assembleia
(Foto: Divulgação)

Como avalia a crise entre o MDB, ao qual continua filiado, e o prefeito Rogério Cruz?

Não apoiei o MDB nas eleições municipais, mas tem de ser respeitada a decisão do Rogério Cruz. Ele é o prefeito. Da maneira que a Prefeitura se encontra, se der certo foi o MDB. Mas se der errado, é o Rogério. O prefeito está certo em colocar quem ele confia. O CPF e a credibilidade em jogo são dele.

Arremate:

Socorro - A pauta da sessão remota da Assembleia Legislativa na terça inclui projeto que prevê a suspensão das parcelas de linhas de crédito da Goiás Fomento.

Pandemia - O projeto de Alysson Lima (Solidariedade) e Amauri Ribeiro (Patriota) prevê que o benefício tenha validade durante a a duração do decreto de calamidade pública.

Nome duplo- Tramita na Câmara de Goiânia projeto de lei que pretende adicionar o nome de Maguito Vilela ao trecho da Avenida Anhanguera entre a Praça do Bandeirante e a Praça das Mães. Sem deixar de lado a denominação atual.

Férias! - Marcos Nunes Carreiro assume a coluna a partir de hoje. Até o dia 15!

Escolha seu assunto favorito.
E-mail registrado com sucesso!
A partir de agora você receberá seus assuntos preferidos por e-mail.

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários