Depois que a Prefeitura de Goiânia anunciou, na quinta-feira (23), que a Feira Hippie não poderia abrir na sexta-feira como era costume antes da pandemia do novo coronavírus, a tensão entre os feirantes e a administração municipal aumentou. Desde a divulgação, comerciantes do local protagonizam protestos contra a proibição. Representantes da categoria chegaram a dize...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários