No ano passado, foi aplicado um reajuste abaixo do que havia sido calculado como necessário para o Instituto de Assistência dos Servidores do Estado de Goiás (Ipasgo). O ex-presidente, Romeu Sussumu Kuabara, estava à frente do instituto na época e explica que os representantes dos servidores públicos foram inflexíveis na negociação. Relatórios de avaliação atuarial de nov...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários