A Enel Distribuição Goiás está longe de atender o que foi firmado no termo de compromisso assinado com o Estado em agosto. Segundo nota técnica da Agência Goiana de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos (AGR), a companhia cumpriu até 3 de outubro apenas 13% da demanda reprimida prevista para ser atendida até dezembro deste ano. Por outro lado, empresa g...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários