Sete governadores assinaram um manifesto solicitando ao governo federal "providências urgentes" para impedir o agravamento da crise da segurança pública no país. Divulgada nesta quinta-feira (4), a carta foi assinada por Marconi Perillo (Goiás), Rodrigo Rollemberg (Distrito Federal), Pedro Taques (Mato Grosso), Reinaldo Azambuja (Mato Grosso do Sul), Marcelo Mirand...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários