O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, se defendeu nesta terça-feira (01), na abertura de evento em Goiânia, das acusações de crimes e infrações de que é alvo, e disse que está sofrendo “a maior injustiça do mundo”. O ministro afirmou que é vítima de “armações e narrativas falsas e mentirosas”, disse que tem consciência tranquila e sempre defendeu o cumprimento d...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários