No município de Cavalcante, o prefeito Josemar Saraiva Freire (PSDB) afirma não ver saída para solucionar o problema do aumento de gastos com a folha de pagamento. Nos quatro primeiros meses deste ano, segundo relatório do TCM-GO, o município gastou 66,90% da Receita Corrente Líquida (RCL) com pessoal. O porcentual é 6,9% maior que o limite determinado pela legislação. Entre...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários