O candidato do PT à Presidência, Fernando Haddad, disse neste sábado, 13, que dirigentes do partido que enriqueceram com crimes de corrupção têm de ir para cadeia, desde que haja provas de irregularidades. O petista também atribuiu parte dos casos de corrupção nas gestões de Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff a falta de controles internos e...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários