Candidatos ao Senado em Goiás, o professor Alessandro Aquino (PCO) e o ex-governador Marconi Perillo (PSDB) apresentaram à Justiça Eleitoral que são advogados no campo "ocupação" do registro de candidatura, mas nenhum dos dois é.  Alessandro, que é professor do ensino médio e universitário, diz que não sabe o motivo da confusão e que irá ao Tribunal Regional Eleito...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários