As democracias morrem hoje pelas mãos de presidentes autoritários eleitos pela população, avalia o cientista político de Harvard Steven Levitsky, que vê no Brasil sinais de vulnerabilidade. "Os Estados Unidos falharam em 2016 e espero que o Brasil consiga evitar isso", afirmou ele em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo por telefone. Crítico do pré-candidato à Pres...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários