O corte de 20% no custeio de Poderes e órgãos autônomos deve representar uma economia de ao menos R$ 21,5 milhões neste mês, considerando Executivo, Assembleia Legislativa, Ministério Público e os tribunais de Contas do Estado (TCE) e dos Municípios (TCM). A redução se dá pela queda na arrecadação do Estado, devido às medidas de combate ao novo coronavírus. As informações foram...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários