Ainda que o plenário da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás tenha experimentado uma escalada nos embates entre deputados nas últimas semanas e que o nível das discussões venha causando queixas entre parlamentares e provocando até intervenções do presidente da Casa, Lissauer Vieira (PSB), a probabilidade de que deputados sejam efetivamente punidos pelas palavras ...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários