No que foi a 2ª derrota do dia para o governo na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara, os deputados do colegiado aprovaram a inversão de pauta para que a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) do Orçamento impositivo fosse votada antes da reforma da Previdência. O PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro, tentou reverter a decisão. Mas, vendo-se derrot...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários