Passadas as eleições estaduais, o Judiciário goiano e os representantes dos cartorários no Estado uniram forças para pressionar os deputados estaduais a aprovar o projeto de lei enviado pelo Tribunal de Justiça do Estado (TJ-GO) que prevê a reestruturação dos serviços de cartório no Estado. A proposta do TJ prevê a criação de 40 novos serviços e o desmembramento de outros 43, s...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários