Atualizada às 10h05: A Câmara de Goiânia decidiu devolver o projeto de lei complementar do Plano Diretor à Prefeitura para "diligência", alegando falta de documentos obrigatórios. Integrantes do Legislativo e do Executivo afirmam que passa a ser muito improvável a aprovação ainda este ano. A direção da Casa aponta questionamentos sobre a ausência de ata de reunião do ...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários