O advogado eleitoral Dyogo Crossara explica que, segundo resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), até dia 16 de agosto, é permitido ao pré-candidato e aos partidos impulsionarem publicações próprias nas redes sociais, desde que não haja pedido expresso de voto. “Tivemos uma redução na campanha de 90 para 45 dias, a legislação eleitoral agora tem o entendimento d...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários