Os gastos das campanhas dos 16 candidatos na disputa pela Prefeitura de Goiânia neste ano são apenas 10,8% maiores que as declarações feitas pelos sete postulantes ao cargo em 2016, considerando-se as despesas declaradas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a sete dias do primeiro turno: 9 de novembro deste ano e 26 de setembro de 2016 – há quatro anos, o pleito ocorre...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários