Se o nome de Augusto Aras for aprovado pelo Senado, sua equipe no comando da Procuradoria-Geral da República (PGR) pode contar com o procurador-chefe do Ministério Público Federal (MPF) em Goiás, Ailton Benedito. Ele já confirmou o convite, que teria, segundo entrevista ao jornal O Estado de S.Paulo , sido feito logo após a confirmação da indicação de Aras. Os dois ...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários