Em discurso em cerimônia de promoção de oficiais-generais, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta quinta-feira (8) que o Exército representa "uma estabilidade" para o Brasil e que atua "dentro das quatro linhas da Constituição". O presidente também voltou a usar a expressão "meu Exército", que gerou críticas por ser interpretada como uma tentativa de pol...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários