Um dos pontos mais criticados em relação às redes sociais nesta eleição diz respeito às notícias falsas, chamadas comumente de “fake news”.O professor da Universidade Federal de Goiás (UFG) Daniel Christino diz que, pelo lado do receptor da informação, há duas situações que podem fazer uma pessoa acreditar em uma notícia falsa. A principal delas diz respeito ao fato de defe...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários