A Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee) entrou com a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 6253, com pedido de liminar, no Supremo Tribunal Federal (STF), contestando as Leis 20.416/2019 e 20.468/2019. Segundo a Abradee, essas leis, do governo Ronaldo Caiado (DEM), alteraram as regras do setor em menos de três meses, contrariando no...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários