Ouvido ontem pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Enel na Assembleia Legislativa, o presidente da concessionária da distribuição de energia em Goiás, José Luiz Salas, sinalizou que pode avaliar as demandas regionais levantadas pela comissão e estudar a possibilidade de aumentar os investimentos previstos em termo de compromisso assinado com o governo estad...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários