Crônicas que emocionam

Na manhã de quarta-feira, 14 de abril de 2021, silenciosamente, chorei. A crônica Amor de mãe, publicada neste jornal na evidenciada data, balançou meu peito e me arrancou lágrimas. Patrícia Hamu é a autora. Essa sua peça de arquitetura nos mostra a mãe…

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários