Privilégios mantidos

Juízes e promotores conseguiram seu intento – ficarão de fora da reforma administrativa. Em outras palavras, mantêm-se os privilégios dos 60 dias de férias, 17 dias de recesso forense,…

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários