Pelo menos 44 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas em um tumulto ocorrido durante uma peregrinação judaica ortodoxa no norte de Israel na madrugada desta sexta-feira (horário local, noite de quinta-feira no Brasil), no maior evento de massa desde o início da pandemia da Covid-19 no país. "Contamos 38 mortos no local, mas há outros no hospital", informou à AFP ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários