Cercada desde quarta (24), a cidade de Palma, a poucos quilômetros de um enorme complexo de gás no norte de Moçambique, foi tomada por extremistas neste sábado (27). Há relatos de que grande parte do município de 75 mil habitantes na província de Cabo Delgado tenha sido destruída e de que cadáveres estejam nas ruas, segundo fontes à agência AFP, entre as quais membros d...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários