A ampla vitória do kirchnerista Alberto Fernández nas primárias argentinas no último domingo provocou um dia de pânico nos mercados do país ontem, diante da dificuldade do presidente Mauricio Macri em reverter o cenário até as eleições de outubro.A Bolsa Argentina chegou a cair 32% no meio da tarde e o dólar passou de 57 pesos. O temor com ascensão de Fernández, estimam...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários