Dois meses depois de ter assumido a Presidência do Peru e um mês após ter enfrentado uma maratona para que o Congresso aprovasse sua equipe ministerial, Pedro Castillo anunciou em uma surpreendente mensagem nesta quarta (6) a renúncia de seu primeiro-ministro, o que implica a saída de todo o gabinete. "Informo ao país que no dia de hoje aceitamos a renúncia do pre...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários