Em um comício realizado na Geórgia, nos Estados Unidos, na segunda-feira (4), na véspera das eleições no estado que vão definir o controle do Senado americano, Donald Trump insistiu no discurso de que as eleições de 3 de novembro, que ele perdeu para Joe Biden, foram fraudulentas, mesmo sem apresentar evidências que sustentem as acusações. "Não é possível que nó...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários