A chefe do governo de Hong Kong, Carrie Lam, anunciou nesta sexta-feira que o uso de máscaras durante as manifestações na região estará proibido a partir deste sábado (05), e pode ser punido com até um ano de cadeia. A medida representa o endurecimento da postura do governo diante dos protestos violentos em Hong Kong, que já se estendem por quatro meses e têm sido ...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários