A extrema direita brasileira mantém interações constantes com seus homólogos nos EUA e chega a mimetizar parte dos discursos de extremistas americanos, principalmente em relação a supostas fraudes em eleições, mostra estudo da Diretoria de Análise de Políticas Públicas da Fundação Getúlio Vargas, a partir da monitoramento de contas no Parler, o microblog que é uma espécie d...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários