Em sua primeira aparição pública desde que recebeu alta após dez dias de internação, o papa Francisco convidou os fiéis neste domingo (18) a reconhecerem a importância do descanso e rezou por Cuba, pela África do Sul e pelos países europeus afetados por chuvas sem precedentes na última semana. "Vamos parar a correria frenética ditada por nossas agenda...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários